Seja Bem-vindo, 21 de julho de 2024

Seja Bem-vindo
21 de julho de 2024

Cumberlandismo e Quiromante

01 de março de 2020   .   
Compartilhe

Introdução
Existe uma relação entre cumberlandismo e quiromante? Antes de responder à questão, lembro o leitor que tenho um artigo no Site Emana & Parapsicologia que trata deste tema: Cumberlandismo. Se puder ler antes de ler este artigo seria o ideal. “Cumberlandismo é o modo de captar o pensamento de outra pessoa por contato físico, como por exemplo, pegando-lhe a mão”.

Cumberlandismo
O cumberlandismo consiste na leitura sensorial do pensamento por contato. Os reflexos que o pensamento produz no corpo de uma pessoa podem ser sentidos por outra pessoa, havendo um contato corpo a corpo. Nem toda ‘adivinhação’ se dá por contato. Mas por meio deste pode-se conhecer o próprio pensamento de alguém”. (COSTA).

Quiromancia
Já Quiromancia é o ato de ler as mãos e predizer o futuro de uma pessoa. Por meio desse método, ao interpretar sinais baseados nas linhas da palma da mão, vendo o formato da mesma, o tamanho e textura procura fazer adivinhar alguma coisa da vida pessoa.

Existe uma relação entre cumberlandismo e quiromante?
Volta aqui a pergunta feita na introdução desse artigo: existe uma relação entre cumberlandismo e quiromante? Frei Albino Aresi responde à pergunta. Veja:

“Cumberlandismo é a adivinhação por contato. Uma pessoa vai a uma quiromante, esta toma-lhe a mão e diz-lhe tudo que a incomoda. O que houve é que a emissão neuronial do cliente passou para a quiromante-sensitiva, graças ao contato das mãos. O inconsciente dotado atua com os dados obtidos. Mas, a maioria das quiromantes são, de fato, fraudulentas”. (ARESI, pag. 246)

Conclusão
No final Frei Albino faz uma crítica meia forte as quiromantes ao dizer que a maioria “são, de fato, fraudulentas”. O importante, acho leitor, que independente ou não da crítica você possa ter também senso critico frente a qualquer pessoa diante da arte adivinhatória. Saiba também que não só através das mãos, mas o sensitivo ou dotado capta muita coisa sua por hiperestesia, por cumberlandismo, e você inconscientemente passa isso para eles. Mas não significa também que toda a leitura feita a seu respeito que não possa ter equívocos.

Referência Bibliográfica
COSTA, Emanuel Cordeiro. Cumberlandismo. Site Emana & Parapsicologia. Site ativo.
ARESI, Albino. Homem total e parapsicologia. 20ª edição. Instituto Nacional de Parapsicologia (INPAR). São Paulo – SP. 1984. Página 246.

Pe. Emanuel Cordeiro Costa
Parapsicólogo Clinico
ABPSIG – Registro 409

LEIA TAMBÉM

    cat